origem das coisas
A Origem das Coisas

Quando, Onde, Como, Por Quem…

 
   

Blog é a forma abreviada de “weblog”. O termo “weblog” foi criado em Dezembro de 1997 por um americano chamado Jorn Barger. Ele usou-o para indicar que se iria registar enquanto navegava on-line. Mais tarde, em 1999, um outro internauta de nome Peter Merholz, mudou o termo “weblog” para “we blog” num dos seus posts.

Talvez por ser mais fácil de pronunciar as pessoas passaram a usar a expressão abreviada de “weblog”.

Jorn Barger nasceu em Yellow Springs, no estado americano de Ohio, no ano de 1953. Foi o editor do “Robot Wisdom”, um blog amplamente lido desde os primeiros dias do blogging. O seu espaço debruçava-se sobre política, tecnologia, cultura da internet, livros e outros temas. Tornou-se um jornal on-line das suas actividades intelectuais e leitura do dia-a-dia.

Barger gostava de falar sobre o escritor irlandês James Joyce e sobre inteligência artificial. Ele participou fortemente no newsgroup da Usenet na década de 90, escrevendo sobre Joyce, Kate Bush e outros temas.

O blog de Barger ganhou tanta popularidade que o influente jornal New York Times chegou a escrever que o “Robot Wisdom” facilitava a vida às pessoas pois permitia  acesso rápido a informação de qualidade sem ser necessário efectuar muitas pesquisas na web (à data ainda não existiam motores de busca, como o Google).

O jornal The Register elogiou também o blog de Barger, afirmando que ninguém poderia ler notícias melhor do que ali.

Jorn Barger

Com o passar dos anos os blogs passaram de diários individuais na web, para grandes empresas. Actualmente existem vários tipos de blogs, tais como:

Blogs pessoais – Divulgam as actividades e pensamentos dos seus proprietários individuais. São os mais comuns de todos os tipos. Por os servidores criarem o seu software tão acessível, praticamente qualquer um pode começar um blog. Os blogs pessoais podem ser privados (visíveis apenas para o autor), públicos ou partilhados apenas com as pessoas a que se pretende dar acesso.

Blogs corporativos – Com a popularidade dos blogs pessoais as empresas perceberam os seus benefícios potenciais. Um blog corporativo é propriedade de uma empresa e é mantido com o objectivo de divulgar e melhorar sua imagem e atrair clientes.

Blogs temáticos – Em vez de se concentrar numa pessoa ou empresa os blogs podem ser dedicados apenas a um tema específico. Pode-se fazer um blog dedicado à culinária, aos filmes, a sapatos, a viagens, a cuidados com animais de estimação, enfim, praticamente a qualquer tema existente.

Estima-se que hoje em dia existam cerca de 112 milhões de blogs em todo o mundo. Não admira portanto que esta palavra se tenha tornado tão familiar.